Ceará

Posto de combustível e carros são incendiados por criminosos no 22º dia de ataques no Ceará

Ocorreram 237 ataques criminosos em pelo menos 50 cidades desde o dia 2 de janeiro. A Secretaria da Segurança confirmou que 412 pessoas foram detidas.

Criminosos queimaram uma van em Fortaleza na manhã desta quarta-feira (23) e incendiaram um posto de combustível em Caucaia e um carro na cidade de Pindoretama, na Região Metropolitana de Fortaleza, durante a noite de terça-feira (22). Além das ações criminosas, o esquadrão antibombas foi acionado após uma suspeita de explosivos em um terminal de ônibus da capital. A violência no estado chegou ao 22º dia seguido.

Desde o dia 2 de janeiro, quando começaram as ações criminosas, ocorreram 237 ataques contra ônibus, carros, prédios públicos, prefeituras e comércios em 50 dos 184 municípios cearenses. As ações começaram em Fortaleza e se espalharam para a Região Metropolitana e diversas cidades do interior. A Secretaria da Segurança Pública do Ceará confirmou que 412 pessoas já foram detidas por envolvimento nas ações criminosas.

Para tentar conter os ataques, o governo estadual convocou 1.200 policiais militares da reserva para reforçar a segurança nas ruas. O Ministério da Justiça enviou agentes da Força Nacional e reforço da Polícia Rodoviária Federal para o estado. Policiais militares e agentes penitenciários de outros estados brasileiros também foram deslocados ao Ceará após o início dos crimes.

A van foi incendiada no Bairro Conjunto Palmeiras, periferia da capital cearense, por volta das 6h30. O veículo estava estacionado na frente da casa do proprietário. Criminosos quebram os vidros e queimaram o carro.

O ataque em Caucaia ocorreu em posto de combustível localizado na rodovia CE-090, no distrito de Pacheco. Dois homens roubaram um carro e queimaram o veículo dentro do estabelecimento comercial. O fogo se alastrou e destruiu o local. Um dos criminosos foi atingido pelas chamas e socorrido por um comparsa.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada e conseguiu controlar o incêndio ainda durante a noite. Segundo testemunhas, o veículo pertencia a um motorista de aplicativo e foi roubado no Bairro Parque Leblon. Após o assalto, o motorista foi abandonado em um matagal.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close