Ceará

Fugas no sistema penitenciário do Ceará caem 85%

De janeiro a maio de 2019, a secretaria contabilizou 42 fugas, ante 284 registros no mesmo período do ano passado.

Início positivo! A nova gestão da Secretaria da Administração Penitenciária do Ceará (SAP-CE) obteve bom resultado nos primeiros cinco meses de 2019. O órgão registrou 42 fugas nos presídios do estado, o que representa uma queda de 85% nas ocorrências em relação ao ano passado, quando foram registrados 284 casos.

Também houve redução significativa do número de mortes dentro das unidades prisionais. Neste ano, a Secretaria contabilizou uma morte dentro de um presídio, sendo que em 2018 foram registrados 28 assassinatos nas cadeiras.

Em 2019 foram fechadas 109 cadeias, contratados 400 agentes penitenciários e apreendidos cerca de cinco mil celulares, as melhorias foram fundamentais para obtenção dos resultados satisfatórios nos presídios do Ceará. Apesar da bonança, a superlotação é um problema permanente. As unidades da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) registram 22.231 detentos, sendo que a capacidade abrange somente 9.740 presos, segundo dados do G1.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close