Política

Bolsonaro reforça que Correios serão privatizados

O presidente Jair Bolsonaro reafirmou na última sexta-feira (31), para a Veja, que os Correios serão privatizados. De acordo com o presidente, “não tem outro caminho” a não ser a privatização.

Temos de mostrar à opinião pública que não tem outro caminho a não ser privatizar os Correios. Será assim com outras estatais

Bolsonaro ainda comentou que os Correios foram destruídos pelos governos do Partido dos Trabalhadores (PT) ao quebrar o fundo de pensão da estatal. Enquanto isso, o general Juarez Aparecido Cunha, que é presidente dos Correios, não quis comentar sobre o processo de privatização tocado pelo Ministério da Economia: “Isso não nos preocupa”, afirmou ao TeleSíntese. “O que nós temos que fazer enquanto Correios é trabalhar, é recuperar a empresa, sanar os problemas que ela tem de épocas passadas”, concluiu o general.

Apesar de não entregar mais detalhes, o presidente Jair Bolsonaro ainda disse em entrevista que outras estatais seguirão o caminho dos Correios e também serão privatizadas.

Quando perguntado o que faria após a aprovação da reforma da Previdência, Bolsonaro respondeu o seguinte: “Vamos partir para a reforma tributária e para as privatizações. Já dei sinal verde para privatizar os Correios. A orientação é que a gente explique por que é necessário privatizar. No caso dos Correios, o PT destruiu a empresa. A bandalheira era tão grande que o fundo de pensão dos funcionários, que hoje está quebrado, fez investimentos em papéis da Venezuela. Com que interesse? Pelo amor de Deus! Então, temos de mostrar à opinião pública que não tem outro caminho a não ser privatizar os Correios. Será assim com outras estatais. Há muitos cabides de emprego dentro do governo”.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock detectado

Por favor, considere nos apoiar, desativando o seu bloqueador de anúncios